Dicas para renegociar a dívida do cartão de crédito

Devido às altas taxas do cartão de crédito, é muito fácil se tornar inadimplente. Às vezes perdemos o controle dos gastos e ficamos endividados.

Separamos algumas dicas eficientes para renegociar a dívida do cartão de crédito.

Lápis e papel na mão

O primeiro passo é anotar todos os seus gastos. Seja em um papel ou em uma planilha no computador, é importante que você organize as contas.

Antes disso, confira qual é o valor da dívida inicial, quanto já foi pago e qual o valor com os juros. Avalie se a negociação está sendo justa.

Ligue para a central

Essa negociação é extrajudicial. Ligue para a central do cartão de crédito e mostre que você tem interesse em resolver essa questão e quitar a dívida. Tente negociar com o gerente ou com a administradora do cartão um valor que você pode pagar. É possível chegar em algum tipo de acordo.

CET – Custo efetivo total

Procure saber o CET, ou seja, valor total, com juros, taxas e impostos que serão cobrados.

Prefira parcelas fixas

Ao negociar, prefira pagar parcelas fixas, que não vão aumentar a cada mês. E não adianta pagar somente o mínimo do cartão, pois ele abrange apenas os juros.

As novas regras do rotativo

Com as novas regras, o consumidor só pode fazer o pagamento mínimo de 15% do cartão por um mês. Na fatura seguinte, o banco não pode mais rodar a dívida.

O cliente precisa paga o valor total ou então parcelar a dívida em outra linha de crédito, com o juros mais barato. Saiba mais aqui.

Procure ajuda de órgãos

Caso não consiga firmar um acordo satisfatório, procure órgãos que prestam assessoria gratuita, como a Associação Nacional dos Consumidores de Crédito (ANDEC), o PROCON ou a Defensoria Pública de sua cidade.

Taxa menores

Como as taxas são muito altas, estude a possibilidade de adquirir um empréstimo com juros mais baixos. Assim, será possível pagar o cartão à vista e fugir das taxas.

Ação na justiça

Entre com uma Ação Revisional de Contrato, para revisar os juros cobrados pela administradora. Um acordo amigável muitas vezes é possível, pois costumam procurar os clientes que entraram na justiça para negociar antes do julgamento da ação.

Ficou alguma dúvida? Deixe seu comentário e boa sorte!


Posts relacionados

A expansão do QR Code como meio de pagamento no Brasil

A expansão do QR Code como meio de pagamento no Brasil

Os pagamentos com QR Code já são uma realidade em diversos países pelo mundo, como China, Suécia, Holanda...

Quais as diferenças entre os níveis do ranking Code Money?

Quais as diferenças entre os níveis do ranking Code Money?

O Code Money é uma carteira digital que conta com algumas funcionalidades, como pagar por suas compras em...