Como abrir uma empresa?

Abrir uma empresa é o sonho de muitos brasileiros, mas não é uma tarefa fácil, especialmente em nosso país com tantas burocracias.

Esse texto tem como objetivo listar o passo a passo e esclarecer as principais dúvidas sobre como ter um negócio próprio.

DOCUMENTAÇÃO E FORMALIZAÇÃO

O registro e a formalização da empresa é a primeira e mais importante etapa ao se pensar em ter o negócio próprio.

Primeiramente, você deverá fazer o registro na Junta Comercial ou no Cartório de Pessoas Jurídicas de seu estado. Depois, retirar o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) e estar inscrito na Previdência Social.

CONTRATO SOCIAL

O contrato social define as participações de capital de cada um dos sócios do empreendimento, bem como definir quais serão as atividades da empresa e seu funcionamento. Feito isso, deve-se verificar se o nome e objeto social da empresa estão disponíveis para que seja reconhecido em cartório e assinado por um advogado. Uma dica é tentar enquadrar a empresa no Simples Nacional, que possui tributos reduzidos.

ALVARÁ DE FUNCIONAMENTO

O principal documento obtido no município é o alvará de funcionamento, que lhe autorizará abrir as portas do negócio.

Porém antes disso, e até mesmo de realizar a inscrição na junta comercial, você deve consultar a prefeitura de sua cidade para verificar se a atividade empresarial escolhida pode ser exercida no local onde pretende abrir a empresa.

INSCRIÇÃO ESTADUAL

A maioria dos estados possibilita obter a inscrição estadual pela internet junto com o seu CNPJ. Mas em alguns casos a inscrição estadual deve ser obtida antes do alvará. É a partir dela que você recebe a sua inscrição no ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

ÓRGÃOS DE REGULAÇÃO ESTADUAIS E MUNICIPAIS

As autorizações dos órgãos de vistoria são essenciais para conseguir o alvará de funcionamento. São bastante variáveis e dependem do ramo de atividade. Entre as inscrições e licenças mais comumente exigidas, estão as seguintes:

  • Licença ambiental: retirada em órgãos Municipais e Estaduais de meio ambiente e no IBAMA. Exigida para atividade industrial, metalúrgica, mecânica, têxtil, química, de calçados, atividade agropecuárias.
  • Licença sanitária: retirada em órgãos Municipais, Estaduais e Federais de vigilância sanitária. Exigida para setor de alimentação, medicamentos e cosméticos.
  • Vistoria de cumprimento das normas de segurança: realizada pelo Corpo de Bombeiros e praticamente todas as empresas estão sujeitas.

 

Além das inscrições e licenças municipais e estaduais, algumas atividades exigem a inscrição em órgãos federais. É preciso verificar se é o seu caso.

Para saber exatamente quais documentos são necessários, você deverá consultar um contador que conheça bem a legislação, o seu ramo de atividade e demais características.

-> Qual o melhor banco para pequenas empresas? Confira!


Posts relacionados

Como usar as mídias sociais para atrair mais clientes para seu restaurante

Como usar as mídias sociais para atrair mais clientes para seu restaurante

O seu restaurante está indo bem, mas você quer atrair mais clientes? Uma boa estratégia é apostar nas...

5 melhores apps de Delivery para comida

5 melhores apps de Delivery para comida

Sempre tem aquele dia em que não estamos afim de sair de casa e ir jantar em um...